Utilizamos cookies para possibilitar e aprimorar sua experiência em nosso site, de acordo com nossas políticas de privacidade e cookies.

Margem de lucro: o que é e como calcular?

 Margem de lucro: o que é e como calcular?

A margem de lucro é um conceito muito importante para as suas estratégias de venda e precificação. Você já sabe como calculá-la? Descobrir a sua margem de lucro traz diversas vantagens para a sua empresa, como uma melhor gestão financeira e um controle de gastos eficiente. 

No post de hoje, vamos explicar o que é margem de lucro, como calculá-la e quais são os benefícios que ela pode trazer para o seu negócio. Continue lendo para saber tudo sobre o assunto! 

O que é margem de lucro?

A margem de lucro é um importante indicador financeiro para o seu negócio. Ela corresponde ao percentual do preço do produto ou serviço que indica o lucro de cada item.

A margem de lucro é um dos principais elementos para a gestão financeira do seu negócio e não pode ser negligenciada. 

O cálculo para descobrí-la não é muito complexo, mas envolve outros elementos do seu negócio, como o preço dos produtos, os custos de produção e as despesas gerais da empresa. 

Por isso, para calcular a margem de lucro, você precisa ter um bom controle financeiro e anotar todos os gastos do seu negócio para não errar o resultado. Com uma estratégia consistente e eficiente, é possível utilizar a margem de lucro para conquistar preços mais competitivos e que tragam bons resultados de vendas para a empresa. 

Além disso, a partir do resultado do cálculo desse indicador, você consegue ter mais dados para embasar as suas tomadas de decisão, como redefinir preços ou até parar de vender um determinado serviço ou produto.

A seguir, veja como calcular a margem de lucro de forma simples e rápida!

Como calcular a margem de lucro?

Para calcular a margem de lucro, é necessário, primeiro subtrair os custos e despesas do preço do produto ou serviço:

Preço do produto/serviço – (custos + despesas) = margem de lucro (em reais)

Supondo que você tenha uma loja de sapatos e um determinado par custe R$ 80, como saber a margem de lucro desse produto?

Primeiro, você deve calcular os custos e despesas para fazer os sapatos. Os custos se referem diretamente à produção do par. Ou seja, a tudo aquilo que foi gasto para criar o produto, como material e embalagem. Vamos supor que no nosso exemplo esse valor seja de R$ 30.

Já as despesas dizem respeito aos gastos gerais da empresa, como aluguel, contas de luz, gás e maquinário. Vamos estipular um valor de R$ 20 de despesas para o nosso exemplo.

Assim, a primeira etapa do cálculo da margem de lucro fica:

80 – (30 + 20) = 80 – 50 = 30

Então, no caso do par de sapatos, a sua margem de lucro é de R$ 30. Para encontrar o percentual correspondente, você deve dividir esse resultado pelo preço do produto e, então, multiplicá-lo por 100:

(30/80) X 100 = 37,5%

Assim, a margem de lucro do produto é de 37,5%.

Mas por que você deveria calcular a margem de lucro dos seus produtos? É o que vamos ver agora!

Benefícios de calcular a margem de lucro

Separamos 3 principais benefícios que calcular a margem de lucro traz para o seu negócio. Confira!

  1. Definição de preços

Como o cálculo da margem de lucro está diretamente relacionado ao preço dos produtos ou serviços, ele pode ser uma ferramenta para definir os melhores preços para os itens vendidos. 

Ao calcular a sua margem de lucro, você pode, por exemplo, reparar que o preço de determinado produto está abaixo dos gastos despendidos com ele. 

Assim, é possível avaliar se vale a pena continuar vendendo esse item por um preço mais alto ou se o melhor é tirá-lo do seu mix de produtos. 

Além disso, se os clientes estiverem reclamando do preço de determinado item ou se você avaliar que determinado produto não vende por conta da alta quantia em dinheiro exigida, a margem de lucro pode ajudar. 

Afinal, sabendo o resultado do cálculo, você pode pensar se é viável diminuir o preço para tentar vender mais. 

Então, a margem de lucro é um poderoso elemento para complementar as suas estratégias de preços e de vendas. 

  1. Saúde financeira da empresa

Como vimos, a margem de lucro é importante para a gestão financeira da empresa. Ao lado de outros elementos, como ponto de equilíbrio, custo de aquisição de clientes (CAC) e margem de contribuição, ela faz parte dos indicadores da saúde financeira do negócio e deve ser constantemente avaliada para manter suas operações.

Para avaliar se a sua margem de lucro é adequada, você pode procurar pesquisas de mercado sobre o seu segmento e conversar com outros pequenos empreendedores.

A margem de lucro dos diferentes setores pode variar muito e você deve se atualizar sobre a sua área de atuação para avaliar a necessidade de melhorias.

Além disso, a margem de lucro é um indicador que funciona como uma espécie de diagnóstico financeiro da empresa. Então, você pode criar uma cultura de acompanhamento do desempenho dos seus produtos com pequenas mudanças nos custos de produção, por exemplo. 

Estabelecer metas também é uma ideia para alcançar a melhor margem de lucro para o seu negócio dentro das reais possibilidades da empresa. 

Assim, se você julga que o resultado do cálculo precisa melhorar, estabeleça objetivos para serem alcançados em um determinado período de tempo e acompanhe a performance das suas estratégias também por meio da margem de lucro.

  1. Controle de gastos 

Como o cálculo da margem de lucro envolve as despesas com a empresa e os custos com o produto, você consegue identificar todos os gastos. A partir disso, é possível avaliar se eles estão muito altos e se há necessidade de contenção de custos operacionais, por exemplo. 

Além disso, a margem de lucro pode indicar que há desperdício de recursos, o que ajuda a criar estratégias para otimizar o seu estoque.

Com isso, você consegue revisar todas as suas ações na empresa e ter clareza sobre os custos com cada produto. 

Então, é mais fácil identificar quais materiais são mais caros ou podem pesar no cálculo da margem de lucro. Isso pode indicar, por exemplo, a necessidade de negociar com os fornecedores ou até trocar de fornecedor.

Por outro lado, se a sua margem de lucro estiver muito boa, você é capaz de avaliar a possibilidade de melhorar a qualidade de determinado produto, mesmo que gaste um pouco mais com os materiais utilizados na produção.

Assim, a partir da margem de lucro, você entende com mais profundidade sobre a sua empresa e consegue ter um olhar mais objetivo para as diversas áreas do negócio, buscando possibilidades de melhoria.

E aí, o que você achou deste artigo? Para ficar por dentro de todas as nossas postagens, continue acompanhando o Blog Papo de Balcão. Até a próxima!

Veja também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja Stone e receba sua maquininha amanhã

Quer receber conteúdo de empreendedorismo sem conversa fiada no seu e-mail?

Inscrevendo-se em nossa newsletter você autoriza que o Papo de Balcão utilize os Dados Pessoais fornecidos acima para envio de conteúdo informativo e publicitário relacionado à educação financeira e negócios, nos termos de nosso Aviso de Privacidade.